Translate

27 de ago de 2010

Sobre irritação



Porque as pessoas cochicham sobre as outras? Não é mais feio falar entre dentes, do que dizer o que se pensa?
Ou, se falta a coragem para falar, que se faça o silêncio.

Me pergunto até quando as pessoas vão achar que sabem o melhor para a vida alheia, enquanto a sua própria desanda...
Curioso como cheios de doenças, corpos decrépitos, males e mais males, ainda assim, as pessoas preferem se ater ao seus preconceitos ridículos e sua falsa moral, e julgarem os demais, do que simplesmente respeitarem.

"Parabéns!", quero dizer, aos medíocres. Por causa deles é que existe esse excesso de falsa moral.
O homem que julga a garota com condição sexual distinta, é o mesmo que a molestou na infância! A mulher que fala cochichando dos "defeitos" da outra, é  mesma que não percebe seu auto desmazelo...

Sim, aves raras, entrei em um minuto de revolta contra as "moralidades" do ser humano.
Me cansa a hipocrisia!!! Me cansa absurdamente!

Outro dia, estava conversando com uma amiga e ela me contava sobre um discurso que ouvira de uma outra pessoa, dizendo que não havia interesses em ter alguém ao lado, que a liberdade era necessária. Curioso, que esta mesmo vive a jogar charme por onde passa e para qualquer um que respire, e a manter-se em rolos que assustam...
Ando me perguntando, até que ponto pode seguir essa mentalidade doentia...
Até quando, tomar conta dos sentimentos e pensamentos alheios, será melhor que cuidar de si mesmo??

É... a cada dia me vejo mais distante dessas mania e maneiras que cercam o ser humano.
Salve o grande dia, em que cada um tome conta de sua própria vida, entenda seus belos e próprios sentimentos e respeite as opçoes, ideais, estilos e vidas alheias.


Amor á todos
Beijos na alma.

2 comentários:

Anônimo disse...

Nossa, brava mesmo... mas faz sentido nao faz?!
Também me irrito com quem faz questionarios sobre sua vida e decisões... ai quero matar um, quando em aparecem com isso...

Te amo
Nathy

Thais disse...

ia fazer um comentário...
mas acho melhor falar quando te encontrar, ou então escrever um e-mail. rsrsrsrs
Beijos