Translate

27 de jun de 2009

Outro desabafo.



 Gal Costa e Zeca Baleiro - Vapor barato / A Flor da Pele



Algumas coisas passam a acontecer, simplesmente, à revelia de nossos desejos e pensamentos. Acontecem apenas.
A vida passa diante dos olhos sem deixar ideias ou palavras. Deixa, por vezes , marcas e saudades, lições e esperanças.
Ando preocupada...
Preocupada com a sensação de cansaço que se apodera de mim. Com a intolerancia que habita meu espirito.
Ando cansada.
Cansada com a falta de atitude que percebo nas pessoas.
Ando zangada.
Zangada com o egoísmo de cada um.
Cada ser está tão absoluto em si mesmo que não percebe o mundo e as pessoas à sua volta.
Me parece que ninguém percebe que o outro sente e sofre, que tem problemas, dúvidas, medos e dores tão intensa quanto as suas próprias...
Ultimamente tenho visto, não sem tristeza, que as pessoas estão totalmente esquecidas de que há o " resto do mundo".
Cada vez que nossa vida "desanda" passamos a pensar em tudo o que não conquistamos, em tudo o que não fizemos diferente e no quanto o mundo, a vida e as pessoas nos machucam.
Bom seria se pensassemos (só um pouco), nas lições que aprendemos, na chance que temos em fazer diferente agora, e em quanto nós ferimos o mundo, a vida e o quanto magoamos as pessoas.
Mas é tão mais fácil sermos a vitima.
Pois é... Ando mesmo intolerante!
Intolerante com todos que se acham autruístas e ainda julgam os demais egoístas.
Intolerante com todos que julgam magoados, ofendidos, cobrados e nem notam os que estão ali ao lado. E se sentem tão sublimes que nao notam o quanto cobram, desprezam, magoam...
Estou intolernate com todos os que não tem capacidade de darem uma nova chance à si mesmo, aos demais e a possibilidade de felicidade.
De fato, carissimos, ando mesmo cansada com a medíocridade e a falta de verdade nas pessoas que vejo por aí.
Ouço coisas que chocam meu senso prático e emocional.
Não entendo bem como se ama e se despreza. Como se ama e se quer longe desse amor...
Mas não entendo mesmo, tanta coisa...
Talvez eu esteja dolorida demais por minhas próprias feridas, e por isso o resto do mundo me cause desconforto.
Enfim...
Não posso mesmo inserir conceitos, ideias e pensamentos. E, menos ainda, provar sentimentos aos outros.
Quem sou eu para ditar verdade, atitudes e virtudes...
Vou me recolher um pouco, não desse espaço, que afinal é minha alma. Mas do resto do mundo, que não tenho compreendido.

Amados, perdoem meu desabafo. É apenas um tanto de frustração, mágoas e tristezas sendo derramados.
Continuo tendo esperança e amando com devoção. Mas sinto meu coração sangrar, pela solidão que me domina, mesmo que meus desejos sejam de que ele vibre um pouco mais.
Volto logo

Amor à todos
Beijos na alma

21 de jun de 2009

Introspecção- outra vez...



 Engenheiros Do Hawaii - Ando Só



São palavras ferinas. São cheias de raiva, magoa e desejam ferir com a mesma força com a qual foram criadas...
Algumas vezes simplesmente não podemos mais. Não depende de nada. Apenas não é possível perdoar, esquecer... É a lei da causa e efeito.
Quem nunca odiou a quem se ama, com a mesma força que ama?
A vida tem seus modos, pouco ortodoxos, de empatar as coisas. Quem poderá explicar sentimentos e ressentimentos?
O tempo caminha silencioso, fazendo seu próprio espaço, ditando suas próprias regras de esquecimentos e lembranças... Hora dom, hora maldição.
E seguimos, tão silenciosos quanto, pela estrada da vida, simplesmente. Vezes escolhendo, vezes sendo escolhidos.
Acredito, que as vezes não ter escolha é um presente Divino.
E é assim que é!
Meu coração anda pesaroso, meu corpo debilitado, minha mente confusa e a alma nua.
Ando desejando sentir os ventos da mudança silenciar tudo aquilo que me cerca.
E estou só.
Tenho apenas o silêncio como ouvinte, e o eco da minha própria voz a me acompanhar.
E mesmo assim, tão resoluta quanto relutante sigo em frente!
É bem assim que eu sou.
É bem assim que eu vou!


Amor á todos
Beijos na alma

18 de jun de 2009

Só isso...



 Vander Lee - Românticos



Então é assim que funciona.
O mundo gira, a fila anda, a catraca destrava, as coisas mudam...
Simplicidade é a palavra de ordem. Simplicidade para viver!
Apenas o coração permanece mudo, calado, sofrido e , ainda assim, esperançoso; pra não falar desesperado.
A lenda de Pandora diz que quando a caixa foi aberta, todos os sentimentos escaparam para o mundo. Menos a esperança, que permaneceu dentro da caixa.
E minha esperança agora grita em mim. Grita sua fúria, sua ânsia de curar os males que me corroem.
Estive avaliando meus "sentires"...
Sempre fui intensa. Mas me deixei levar, muitas vezes, por mágoas, impulsos, desilusões...
Fui imatura em tantos momentos.
Perdi minha essência em tantos outros.
E tanta coisa aconteceu...
Repenso muito os momentos em que perdi o eixo. Mas não posso dizer que me arrependo. Afinal, sem as lições desses instantes eu jamais seria o que sou hoje.
Descobri, vivendo por aí, que mágoas e ressentimentos causam mesmo o câncer.
Descobri que não falar de si próprio, um tantinho que seja, provoca intensa solidão e esquizofrenia.
Descobri que não ser sincero consigo mesmo causa perdas irreparáveis de auto-estima, segurança, amor próprio e amor alheio...
E isso resulta em profunda depressão.
Ah, Se eu pudesse corrigir tantos erros cometidos sem apagar o que aprendi com eles... Utopia.
Haveria, então, a tal simplicidade do viver.
Os grande amores seriam ternos (quem sabe?) eternos. Os amores completos completariam mente e alma.
Mas o tempo é o senhor do destino e, como diz a canção, " Para ser homem, é preciso ter a grandeza de um menino".
Portanto a esperança vive em mim e permanece mesmo quando a alma dói um pouco mais.
O lema deve ser:
"Viver e não ter a vergonha de ser feliz"
E assim, como terno e eterno aprendiz. Permaneço!!!


Amor à todos
Beijos na alma

9 de jun de 2009

6 de jun de 2009

Escrevo apenas...




 Chimarruts - Verso Simples


Incrível como as esperanças vem e vão dentro de nossas almas...
Não tem jeito, sou uma otimista nata. Amo com tamanha força e intensidade que realmente acho que a recíproca será sempre verdadeira...
Enfim.
Ainda estou longe, e cansada... Mas já to acabando minhas organizações de tempo e espaço para voltar.
Não me lembro se já falei, mas o Alma Nua, foi indicado para o top 10 Blog. Foi uma surpresa muito gostosa. E só tenho a agradecer a todos vocês que entram aqui de vez em quando e me leem com tanto carinho.
Ainda não tive tempo de confirmar a inscrição, mas vou fazer!!
E aproveitando para atualizar... Lá vem a vida em furacão outra vez. Estou em dois empregos agora, e mal da tempo de respirar. Ainda sinto e cada vez sinto mais. Ando apaixonadinha (isso é bom!!). Ando me amando, amando o trabalho novo e tudo o que ele tem me proporcionado. Ando amando mais e mais os momentos da minha vida.
Esta certo que o coração ficou um tantinho mais triste outra vez. Acontece, acho...
As coisas tem seu tempo, tem que ter.
Ao menos não tenho pensado em coisas doloridas. Mas ainda sonho... sonho muito... Ainda sonho com um ritual, com um casamento, com uma vida pra sempre...
As vezes acho que isso tudo virá pra eu viver sozinha. Amor e Vida. somente.
Andei doente também, coisa séria dessa vez, mas me já providenciei cuidados...
Juro que vou atualizar mais e melhor. E vou voltar a atualizar o Quem tem estilo anda assim".
De resto, vou vivendo.

Amor à todos
Beijos na alma